PECADORES CONFESSOS...

sexta-feira, 10 de julho de 2009

O Morro dos Ventos Uivantes, por Charlotte Brontë...

A respeito da rusticidade de "O Morro dos Ventos Uivantes", eu admito a acusação, porque eu sinto a qualidade. O livro é rústico do início ao fim. É pantaneiro, selvagem e baralhado como a raiz de uma árvore. E não seria natural se fosse de outra maneira; a autora sendo uma cria dos charcos. Sem dúvida, se ela tivesse nascido na cidade, suas escritas teriam uma outra personalidade. Ou se ela tivesse escolhido um tema diferente, poderia tê-lo tratado de um jeito diferente. Se Ellis Bell [pseudônimo de Emily Brontë] tivesse sido uma dama ou um cavalheiro acostumado com o que se chama de "mundo", sua visão de uma região remota e inexplorada, bem como daqueles que nela vivem, teria divergido enormemente daquilo que considera uma garota criada no campo. Sem dúvida teria sido mais abrangente; se teria sido mais original ou mais verídico não se pode afirmar. Com relação ao cenário e locação, não poderiam ser mais simpáticos: Ellis Bell não os descreveu como alguem cujo olhar se contenta com a prospecção; suas montanhas nativas eram para ela mais que um espetáculo. [...] Suas descrições, portanto, são o que deveriam ser, e tudo que deveriam ser.
Quanto à sua construção do caráter humano, o caso é diferente. Posso jurar que ela tinha muito pouco conhecimento prático da vida dos camponeses à sua volta. [...] Apesar de seus sentimentos por essas pessoas serem benevolentes, nunca procurou interagir com eles, com raras exceções. Mesmo assim, ela os conhecia: ela podia identificar suas maneiras, sua linguagem, sua histórias; ela podia ouvi-los com interesse, e falar deles com mínimos detalhes; mas com eles, ela raramente conversava. Então o que sua mente assimilou sobre eles se concentrou muito exclusivamente naqueles traços trágicos e terríveis que sua memória registrou ao ouvir os segredos de toda a rude vizinhança. Sua imaginação, que era uma entidade mais sombria que ensolarada, mais poderosa do que esportiva, achou nesses traços material através do qual forjou criações como Heathcliff, como Earnshaw, como Catherine.
(prefácio à edição de 1850 de "O morro dos ventos uivantes")

Share/Save/Bookmark

Nenhum comentário:

Related Posts with Thumbnails